Maraturismo: roteiro de um dia em Londres

Da estação St. Pancras ao ponto de ônibus H

A minha amiga C. vai passar uma temporada em Paris em junho e quer pegar o Eurostar para ir conhecer Londres em um dos dias. “Mas não dá pra você levar uma mochilinha e dormir por lá pelo menos uma noite?” foi o que eu perguntei quando ela me contou dos planos. A resposta – que eu já esperava – foi que não, ela já pagou a hospedagem em Paris e não quer pagar em Londres também. As passagens já estão compradas no primeiro Eurostar da manhã e no último trem do dia,  que sai da estação St. Pancras International às 20:04.… Leia mais

Custo zero: o que fazer de graça em Londres

Foto: James Cridland

Londres é das cidades mais caras do mundo, certo? Talvez, eu diria. Mas, com certeza, também é das poucas cidades do mundo que oferecem tantas atrações por conta do contribuinte. É, são totalmente grátis. Abaixo, fiz uma listinha das minhas favoritas:

1. Museus: você pode conhecer o acervo permanente dos grandes museus da cidade – Museu Britânico, Museu de História Natural, Victoria & Albert, Museu da Ciência, Museu de Londres –  sem pagar um centavo sequer! E para quem já foi a todos esses, que tal conhecer o Geffrye Museum, no lado leste da cidade, para dar uma espiada no interior das casas da classe média inglesa de 1600 aos tempos modernos?… Leia mais

Um passeio de barco pelo Tâmisa

Thames Clipper

O trecho deste passeio entre a Tate Britain e a Torre de Londres pode ser feito tranquilamente a pé, pois são aproximadamente 6 km de caminhada no plano. Na minha opinião, fazer uma caminhada pelas margens do Tâmisa, de preferência em um dia de sol, é um dos programas mais bacanas de Londres.

Mas a opção de pegar um catamaran para cruzar a cidade de oeste a leste é também muito interessante. E para chegar a Greenwich não tem opção melhor do que ir de barco.

Muitas empresas oferecem este serviço de transporte entre os diversos píeres ao longo do rio.… Leia mais

Tate Modern: não dá para não ir

tatetotate

5 razões por que eu adoro :

1. A sala da turbina impressiona com qualquer instalação.

2. A coleção permanente inclui obras dos principais pintores ocidentais do século XX

3. É grátis

4. O bar/restaurante localizado no sétimo andar oferece uma vista maravilhosa do rio Tâmisa e da Catedral St.Paul

5. O Steve participou do projeto de iluminação do prédio na festa de abertura da galeria em 2000.

Dica de passeio:

No píer em frente à Tate Modern (Bankside pier), pegue este charmoso barco Tate-to-Tate – cujas bolinhas foram idealizadas pelo artista inglês Damien Hirst – e vá até a galeria Tate Britain apreciando os cartões postais de Londres a partir de uma nova perspectiva.… Leia mais